TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

Vinicius Torres Freire/ Pouca chuva e muito calor encarecem energia

Vinicius Torres Freire/ Pouca chuva e muito calor encarecem energia
Logo do programa
O calor está horrível, não se fala de outra coisa. A gente não sabe o que está pior, se as temperaturas altas ou os preços altos de quase tudo. O problema do calor e da falta de chuva é que seus efeitos podem durar até o inverno, se não até o próximo verão. Quer dizer, o preço da energia está ficando mais caro. Se o governo não bancar a diferença, o custo mais alto vai cair na nossa conta. Mas, se o governo tiver de bancar, vai ter de fazer mais dívida, pois não tem dinheiro para pagar a diferença. Ficamos entre a cruz e caldeirinha. No Brasil, a maior parte da energia elétrica vem das usinas hidrelétricas, que precisam de água para girar suas turbinas. Quanto menos água, menos potencial para produzir energia elétrica. Para evitar que os lagos das usinas cheguem a um nível crítico, perigoso, a gente aqui no Brasil recorre a um sistema alternativo de produção de energia: a eletricidade produzida pelas usinas térmicas, a óleo, gás, carvão etc. O primeiro problema é que a energia dessas usinas é muito mais cara. O segundo é que a escassez eleva os preços, de qualquer maneira. No ano passado, já foi necessário ligar as usinas térmicas, que funcionaram durante boa parte do ano. No ano passado, também faltou chuva. O governo bancou a diferença, gastou mais, fez mais dívida. Neste ano, janeiro foi de pouca chuva e prevê-se que fevereiro também vai ser assim. Para piorar, o calor está insuportável, o que faz a gente gastar mais energia em ar condicionado e ventilador. Resultado, os preços da energia elétrica no atacado estão altíssimos, os maiores da história. Os custos estão aumentando, a conta já está ficando mais cara. Quem vai ficar com a dolorosa? Pode ser que chova bem em março. Pode ser que a meteorologia erre, e já chova em fevereiro, mais isso é meio improvável. Provavelmente, se a conta subir, o governo vai bancar, a fim de evitar que a inflação suba mais. No entanto, em algum momento, essa conta aparece, pois o governo gastando mais causa outros problemas. Agora, só resta a gente antecipar o Carnaval e cantar a marchinha de 1951, de Paquito e Gentil: "Tomara que chova, Três dias sem parar". Tema: Economia

Veja também