TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

União Europeia é um bonito sonho em risco

Comentário de Política Internacional, com João Batista Natali.

União Europeia é um bonito sonho em risco Comentário de Política Internacional, com João Batista Natali.
Logo do programa Jornal da Gazeta
Jornal da Gazeta
Imaginem se a gente falasse da União Europeia, como se fosse um campeonato de futebol. No último domingo, o placar teria sido de um a um. A Europa saiu ganhando na Áustria, onde o candidato da extrema direita perdeu a eleição, e não será primeiro-ministro. Mas a Europa perdeu feio na Itália. O primeiro-ministro, Matteo Renzi, submeteu a referendo uma reforma da Constituição. Teve só 40 por cento dos votos. Os maiores adversários dele são os populistas do Movimento Cinco Estrela. Eles querem que, num primeiro momento, a Itália saia da zona do Euro. Acreditam que o euro é responsável pela crise econômica, que em oito anos encolheu em 12 por cento a economia italiana. Isso é mentira. Mas a Itália é hoje apenas um sintoma. Outros sintomas estão no peso eleitoral dos inimigos da União Europeia, nas eleições do ano que vem na França e na Holanda. Esses inimigos da Europa não vão necessariamente ganhar. Na França, por exemplo, é hoje impensável que Marine Le Pen, da extrema direita, derrote o liberal François Fillon. Mas os extremistas ganham espaço político. Fazem muita marola. E há também a extrema direita que se fortalece na Polônia, e em outros cantos do Leste Europeu. Essa gente sonha com a volta do Estado nacional. Exatamente aquele em que as tensões, se não eram resolvidas pela diplomacia, acabavam em guerra. A União Europeia foi justamente uma vacina contra essa lógica, que enchia os cemitérios de defuntos militares e civis. A União Europeia foi uma obra prima de arquitetura política. Os interesses de uns e de outros ficam tão dependentes, que ninguém mais pegava em armas para resolver divergências. O perigo de desagregação começou com o referendo de junho no Reino Unido. Os britânicos vão sair de vez da União Europeia, e hoje foi publicado um calendário, que põe fim a esse casamento em outubro de 2018. Mas eu quero continuar otimista. A Europa unida foi um sonho muito bonito para acabar e sair pelo ralo. É assim que o mundo gira. Boa noite.

Veja também