TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

Produção de veículos despenca ao nível de 2003

Como resultado, a indústria demite. O número de empregados das montadoras caiu quase 9% em relação ao ano passado.

Produção de veículos despenca ao nível de 2003 Como resultado, a indústria demite. O número de empregados das montadoras caiu quase 9% em relação ao ano passado.
Logo do programa Jornal da Gazeta
Jornal da Gazeta
Quando se fala de crise econômica, muitas vezes a gente cita alguns números que são difíceis de interpretar, no dia a dia. Por exemplo, o crescimento do país, do crescimento do PIB. Infelizmente, a gente tem outros exemplos bem mais concretos para mostrar o tamanho enorme do estrago. Um caso bem mais fácil de entender é o das montadoras.
As fábricas estão parando. Nas montadoras de carros, seis de cada dez linhas de produção de automóveis simplesmente estão desligadas, porque a venda de carros cai de modo horroroso.
Repita-se: mais de metade da capacidade de produção das fábricas está sem uso, parada, sem ter o que fazer.
No caso de ônibus e caminhões, a desgraça é ainda maior: mais de 80% das fábricas, na média, estão paradas. Quer dizer, de cada 10 linhas de produção, 8 estão desligadas. Estão virando fábricas fantasmas.
A produção de carros no primeiro trimestre deste ano caiu quase 28%, se comparada à produção dos três primeiros meses de 2015, que já foram bem ruins.
Para resumir o tamanho do desastre: a produção de carros no Brasil voltou ao que era em 2003. Vou repetir 2003, faz 13 anos, primeiro ano do governo Lula. Em português claro, a gente andou para trás.
Como resultado, a indústria demite. O número de empregados das montadoras caiu quase 9% em relação ao ano passado.
A indústria de veículos é uma das mais importantes do país. É, ou pelo menos, era grande. Alimenta um monte de outras fábricas: aço, plásticos, química, tintas, vidros, borracha, tecido, eletrônicos, metalúrgicas, autopeças, para nem falar das revendedoras e oficinas. Quando se deixa de produzir na indústria automobilística, muita gente perde emprego em outros negócios.
A coisa está assim em outros ramos grandes da economia. Imóveis, por exemplo, outro negócio que movimenta o país. Na grande São Paulo, a venda de imóveis novos caiu 17% em um ano.
A produção e as vendas caem porque há medo de desemprego, do futuro. Porque os juros estão altos. Porque há pouco crédito. E tudo isso começou com uma grande incompetência no governo Dilma Rousseff.

Veja também