Vídeos

 
Exclusivo

O faz-de-conta: mídias escondem milhares em Brasília. E Lula será candidato.

0:00 / 0:00

O PT registrou Lula como candidato. O judiciário não permitirá que Lula, condenado, seja candidato.

Não fizeram como fizeram para agora recuar. Confissões do final de semana revelam muito desse processo.

Rogério Galloro, diretor da Polícia Federal, informou ao Estadão: foi orientado a não libertar Lula depois da ordem do juiz Favreto, em julho.

Orientado pelo presidente do TRF-4, Thompson Flores. "O telefonema dele veio antes de expirar uma hora" contou Galloro.

Seis meses antes do julgamento de Lula esse mesmo Thompson antecipava:

- Não li as provas, mas o juiz Moro fez exame irretocável das provas.

Thompson não conhecia as provas. Mas já julgava: "Irretocável". Ali tudo já estava claríssimo.

Segundo "Veja" o juiz Gebran, do mesmo Tribunal, confessou a amigos: ignorou a lei para não libertar Lula.

Gebran respondeu: ninguém fala em nome dele.

Thompson confirmou ligação para a PF. Mas diz: apenas para informar "despacho" sobre "conflito de decisões".

Conclusão: mentiu o diretor da PF ou o presidente do Tribunal.

Isso são fatos. Mas vive-se, de partes a partes, o curral do mundo binário. Ou só isso ou só aquilo.

Adversários que odeiam Lula e PT têm ilusões: supõe serem todos intimidáveis. Que todos só deveriam noticiar fatos negativos sobre Lula e PT.

Sejam fatos, ou boatos, amam espalhar contra Lula. E odeiam fatos, notícias positivas sobre Lula e PT.

Querem todos reféns de seus ódios e massacre midiático.

Do Brasil afora dezenas de milhares de militantes marcharam para Brasília. Em apoio à candidatura Lula.

Nesta quarta, até quase final da tarde, Meios esconderam das manchetes os milhares em Brasília. Como se lá não estivessem...Invisíveis.

Noticiaram na véspera...engarrafamentos provocados pelos militantes pró-Lula. Que não terá candidatura aceita. O candidato é Haddad.


Conteúdo disponível em Jornal da Gazeta .

O Jornal da Gazeta mostra as principais notícias do dia, reportagens exclusivas e análises feitas por comentaristas especializados.