TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

João Batista Natali/ Destruição de bens históricos agrava a tragédia síria

João Batista Natali/ Destruição de bens históricos agrava a tragédia síria
Logo do programa
Vamos falar da Guerra Civil na Síria. Mas não sobre a morte de militares, rebeldes ou civis. Desta vez a vítima foi a história. Nas últimas horas, foram escritos dois novos capítulos, na tragédia de destruição do patrimônio da humanidade. Na cidade de Homs, um atentado, hoje de manhã, destruiu um hotel ocupado por oficiais, do ditador Bashar Al-Assad. Morreram 50. Mas não é isso o importante. Os rebeldes cavaram um túnel para colocar os explosivos. A explosão destruiu sítios arqueológicos, e prédios da vizinhança, que datam dos séculos 12 a 14. Não sabemos se foi também danificada a igreja de Santo Helian. Ela foi construída há 1.600 anos. E tinha afrescos pintados um pouco depois. Ainda na Síria, o estrago foi bem maior em Aleppo. A cidade de 2 milhões de habitantes, estava sob o controle dos rebeldes desde 2011. Com a ajuda da Cruz Vermelha, ontem foram evacuados quase mil combatentes, e outros 300 deverão sair até amanhã. Um representante da ONU disse que o bairro histórico está, e eu cito a expressão dele, "incrivelmente destruído". Arqueólogos dizem que Aleppo foi criada há coisa de oito mil anos. Existe por lá uma cidadela cercada por muros de pedra. Foi construída no século 11. No miolo da cidadela existem mesquitas e igrejas medievais. Está também em Aleppo uma das joias da arquitetura do século 17. É o quarteirão habitado pelos armênios. É possível que tudo tenha virado ruína. Soldados e rebeldes acabaram com monumentos que o tempo não havia destruído. A Guerra Civil na Síria já matou 150 mil. É lamentável. É um problema humanitário, político e militar. Com a destruição dos bens históricos, a conversa chega mais perto da gente. Passa a ser um problema de cada um de nós. Aquela região era o umbigo do mundo, antes que existisse a Grécia e o Império Romano. A Guerra Civil está pondo fogo na certidão de nascimento da humanidade. É assim que o mundo gira.

Veja também