TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

Grã-Bretanha faz primeiro ataque ao Estado Islâmico na Síria

Temos novidade na Síria. Durante a madrugada de hoje, quatro caças britânicos bombardearam instalações de petróleo controladas pelo Estado Islâmico.

Grã-Bretanha faz primeiro ataque ao Estado Islâmico na Síria Temos novidade na Síria. Durante a madrugada de hoje, quatro caças britânicos bombardearam instalações de petróleo controladas pelo Estado Islâmico.
Logo do programa Jornal da Gazeta
Jornal da Gazeta
Temos novidade na Síria. Durante a madrugada de hoje, quatro caças britânicos bombardearam instalações de petróleo controladas pelo Estado Islâmico. Ou seja, o Reino Unido entrou na briga. Até agora, o grupo radical muçulmano vinha sendo bombardeado pelos Estados Unidos e pela França. O grupo também é bombardeado pela Rússia. Mas o objetivo principal dos russos não é atingir os terroristas. Os russos querem ajudar o ditador Bashar Al Assad, nessa horrorosa Guerra Civil, que já dura quase cinco anos e que já matou 250 mil. Mas vejamos a novidade da participação britânica. O Parlamento aprovou os bombardeios ontem à noite. Em pouco mais de uma hora, decolavam os primeiros caças Tornado de uma base da ilha de Chipre. Existem aqui duas questões paralelas. A primeira está em destruir as fontes que permitem o Estado Isl âmico de ganhar dinheiro. O petróleo é para eles fundamental. Mas é também preciso destruir os contrabandistas que compram o combustível. A Rússia diz que essa gente funciona com a cumplicidade do governo da Turquia. É claro que o governo turco diz que é mentira. A segunda questão é a militar. Não dá para destruir o Estado Islâmico com bombardeios aéreos. Nem com os caças e mísseis de última geração, nem com os drones, aqueles aviõezinhos que não têm piloto e que são guiados por controle remoto. O grupo terrorista é esperto. Uma entidade humanitária respeitada, o Observatório Sírio de Direitos Humanos, diz que os terroristas vivem misturados à população civil. Os civis funcionam como um escudo de proteção. E por detrás disso tudo existe o argum ento bem colocado, ontem à noite, pelo líder da oposição trabalhista no Parlamento de Londres. Quanto mais se bombardeiam os territórios do Estado Islâmico na Síria ou no Iraque, maior é a motivação para que os terroristas respondam com novos atentados. Os franceses sabem do que eu estou falando, por causa dos atentados de Paris de 13 de novembro. É assim que o mundo gira. Boa noite.

Veja também