TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

Números da economia pioram e abalam a confiança

Números da economia pioram e abalam a confiança
Logo do programa Jornal da Gazeta
Jornal da Gazeta
O endividamento das famílias bateu recorde, principalmente, pelo avanço do crédito imobiliário, que é uma decisão mais planejada, de longo prazo. Mesmo com a piora das condições do financiamento de imóveis, é uma das poucas linhas de crédito que segue em expansão. Não o suficiente pra evitar a retração da construção, mas ainda está avançando. Só que o endividamento geral caiu. De um lado, porque os bancos estão mais restritivos na concessão de recursos, por medo da inadimplência, que registrou em maio a maior alta do ano. Segundo a Serasa, o atraso de pagamento subiu quase 15% sobre maio do ano passado. De outro lado, o consumidor também está cada vez mais cauteloso, por falta de dinheiro ou receio do que vem pela frente. Foi o que mostrou o balanço das vendas do dia dos namorados e é o que têm mostrado todos os levantamentos do comércio. Há uma clara desaceleração. E não é pra menos. O cenário é dos mais negativos das últimas duas décadas. O relatório Focus divulgado nesta segunda pelo Banco Central, trouxe, de novo, piora das projeções do mercado para os vários indicadores da economa. Para a inflação, por exemplo, se prevê uma variação do IPCA de 8,79% no ano. Está em quase 9%. Isso significa perda do poder de compra. Dificuldade de bancar as despesas de sempre. Quem tem de recorrer a um empréstimo ou comprar a prazo encara custos crescentes. O mercado já conta com a taxa básica, no mínimo, em 14%. Em outro sentido as projeções para o PIB vão ficando mais pessimistas. A projeção média é de uma retração da economia de 1,35% agora em 2015, já contaminando 2016. Antes, se falava numa expansão de 1% no ano que vem, agora a projeção média caiu pra 0,9. Parece pouco, mas o problema é a tendência. São números que vão piorando semana após semana. E isso, claro, abala a confiança, deixa mais cauteloso até o consumidor que não está numa situação ruim. Afinal, nunca se sabe. O desemprego ou a ameaça de desemprego também estão ganhando força. Enfim, não dá pra contar com um horizonte de recuperação. Está crescendo muito a possibilidade de 2016 também ser um ano perdido. Eu volto na quinta. Até lá.

Veja também