TV Gazeta TV Gazeta logo TV Gazeta +551131705643 TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!
Av. Paulista, 900 - Bela Vista 01310-940 São Paulo, Brasil
TV Gazeta TV Gazeta, Receitas, Mulheres, Cozinha Amiga, Fofoca Aí, Revista da Cidade, Você Bonita, Gazeta Esportiva, Mesa Redonda, Jornal da Gazeta, Edição Extra, Gazeta Shopping TV Gazeta - Programação ao vivo, receitas, notícias, entretenimento, esportes, jornalismo, ofertas, novidades e muito mais no nosso site. Vem pra #NossaGazeta!

A crise na Venezuela

A crise na Venezuela
Logo do programa Jornal da Gazeta
Jornal da Gazeta
Vocês pensam que o Natal aqui no Brasil está sendo mais pobrezinho por causa da crise. Mas podem ficar consolados. Está muito pior na Venezuela. As histórias que chegam de Caracas são muito tristes. O Natal morreu, diz uma jovem mãe de 28 anos, que mora na favela de Petare. Não há dinheiro para montar uma árvore de Natal, e ao mesmo tempo preparar um jantar mais caprichado. Ela precisou abandonar as duas coisas para comprar para os filhos presentinhos modestos. Outra mãe, que é comerciante, diz que precisou optar entre comprar uma roupinha nova para os filhos ou preparar a ceia. O jornal El Nacional publica hoje que lojas de calçados conseguiram vender, agora em dezembro, a metade do que venderam em dezembro do ano passado. É uma maneira de dizer que o Papai Noel venezuelano vai chegar com o saco de presentes mais vazio. Não há naquele país estatísicas sobre a crise do consumo. A Venezuela empobreceu com a queda em 60 por cento do preço do petróleo. Mas o problema é também enfrentado pelo Equador e pela Bolívia, com regimes de esquerda e onde a crise é bem menor. O que existe na Venezuela é a incompetência gerencial do regime bolivariano. O Estado tentou controlar a economia, e criou mais escassez e corrupção. E tem ainda uma inflação anual de 240 por cento. O salário mínimo é de 11 mil bolívares por mês. Dá para comprar uma bicicleta de criança. Ou então 17 dúzias de ovos. No ano passado, quando a crise cambial não estava tão aguda, o presidente Nicolas Maduro inventou uma boneca chamada Barbie socialista. E forçou as lojas a venderem a boneca a um décimo do preço de mercado. As lojas tiveram um imenso prejuízo, mas pelo menos as menininhas puderam ganhar o presente. Na política, o regime bolivariano precisará dar posse, dentro de duas semanas, a uma Assembleia em que ficou com apenas um terço das cadeiras, depois das eleições parlamentares de 6 de dezembro. Maduro aproveitou para nomear ontem um terço dos juízes da Corte Suprema. Quer controlar o judiciário. E pretende criar um chamado parlamento comunitário, só com gente do partido do governo, e que tentará esvaziar o parlamento de verdade. Esse Maduro perdeu as eleições, mas faz de conta que terá um apoio popular recebido como presente de Papai Noel. Um bom Natal para todos vocês. É assim que o mundo gira, boa noite.

Veja também