As corretoras de criptomoedas são totalmente anónimas nos dias de hoje?

Hoje já existem muitas plataformas de câmbio de criptomoedas, e alguns serviços realmente oferecem aos clientes opções e condições de trabalho bastante procuradas. Os projetos com cotações favoráveis, proteção de conta confiável e anonimato são especialmente populares. Os restantes critérios para quase todas as plataformas de câmbio de criptomoedas são idênticos. O anonimato é cada vez mais visto como um aspeto importante para as pessoas que ganham dinheiro em operações de câmbio ou por meio de transações de criptomoedas.

Hoje, o rápido crescimento da demanda por criptomoedas e a sua ampla popularidade contribuíram para o surgimento de plataformas de negociação especializadas, onde transações com moedas digitais são realizadas. E foi assim que apareceram as plataformas de câmbio anônimo de criptomoedas. Muitas são as explicações para essa procura pelo anonimato, como ocultar rendimentos, ocultar capital existente, evitar deduções fiscais, ou até a realização de transações financeiras ilegais etc. Todos têm os seus próprios motivos para começar a negociar em bolsas de criptomoedas anónimas.

No ambiente financeiro e econômico atual, a verificação de identidade é uma condição indispensável para a realização de transações de trading ou de câmbio com moedas tradicionais. É uma espécie de ferramenta contra a lavagem de dinheiro e outras transações ilegais. A maioria das corretoras de criptomoedas, devido a esta circunstância, obriga os clientes a confirmarem as informações especificadas durante o registo por meio de um procedimento de verificação. Mesmo que negocie criptomoedas com o mais alto grau de confidencialidade, é necessário divulgar a sua própria identidade. Caso contrário, as operações de conversão ou negociação não funcionarão em certos sites. Portanto, antes de começar a negociar em uma corretora, é importante estudar as restrições que estas plataformas invocam contra utilizadores não verificados, como limites de levantamentos ou a completa incapacidade de usar o serviço. Para confirmar a sua identidade, o utilizador deve enviar à corretora o seu nome completo, bem como uma foto do cartão de cidadão, carta de condução, ou outro documento de identificação pessoal. Além disso, alguns sites exigem que envie uma selfie junto com o documento anexado. O processo de verificação geralmente leva de um a três dias. Este é outro motivo pelo qual deve ter cuidado ao escolher um site. O utilizador é obrigado a fornecer os seus dados pessoais, e é importante que tais dados não sejam disponibilizados publicamente. Isto pode acontecer por negligência de funcionários da empresa ou como resultado de um ataque cibernético. Isso já aconteceu com duas das principais bolsas como Poloniex e BitMEX.

No entanto, cada vez mais pode ser observado um crescente desejo pelo anonimato, de forma a ocultar os detalhes das operações realizadas e para ocultar o valor dos fundos levantados, quando os utilizadores conseguem lucros avultados com o trading de criptomoedas. Para esta categoria de utilizadores, certos desenvolvedores criaram e melhoraram plataformas como um conversor de criptomoedas online anónimo, onde não há necessidade de fornecer dados pessoais durante o registro. O registo e abertura de uma conta, a criação de carteiras online para criptomoedas, a confirmação de transações e outras ações necessárias são efetuadas de forma anónima.

As vantagens, é claro, são significativas, no entanto, vale a pena considerar os pontos negativos inerentes deste tipo de corretoras:

– sem registo, os valores que podem ser levantados são limitados, e o acesso às funções do serviço é restringido, etc.;

– os utilizadores anónimos são forçados a trabalhar com comissões altas.

Lembre-se de que a confidencialidade custa dinheiro. 

Não existe uma regulamentação mundial para a indústria das criptomoedas. Cada país desenvolve o seu próprio conjunto de leis e regulamentos. Hoje em dia, os EUA, o Reino Unido e muitos outros países fizeram das regras KYC e AML uma parte integrante das suas estruturas regulatórias do mercado das criptomoedas.

A comunidade global está a implementar persistentemente requisitos atualizados para representantes da indústria das criptomoedas. Os provedores de serviços relacionados à circulação de ativos virtuais devem preparar e implementar com antecedência os requisitos mais recentes adotados pelas principais corretoras de criptomoedas. 

conteúdo de marca