Fabricio Carpinejar recebe Grace Gianoukas em “A Máquina”

Divulgação: Ricardo Nóbrega
Divulgação: Ricardo Nóbrega

O programa “A Máquina” desta terça-feira, 14 de abril, recebe a atriz e humorista Grace Gianoukas, que fala sobre sua vida pessoal, carreira e intimidade.


Criadora do projeto humorístico “Terça-feira Insana”, ela faz um balanço da sua carreira: “Muitas coisas legais, dádivas, chatices, realizações”. Ao falar sobre o papel do humor em sua personalidade, explica: “Eu uso humor como um KY na vida para que tudo siga com menos atrito”. Semdar detalhes, revelou que em breve o Terça Insana estará na TV.


Sobre os caminhos que a levaram aos palcos, a atriz contou que, inicialmente, gostaria de ser antropóloga. “Eu não sabia que tinha segunda opção no vestibular. Escolhi teatro por que achava o pessoal legal”.


Ao ser perguntada por Fabrício Carpinejar sobre sua vida a dois, Grace diz que mantém um relacionamento em casas separadas: “Acho que longos relacionamentos precisam se remanejar, se reencontrar. É difícil você se remanejar sendo um casal”.


Durante a entrevista, a atriz também fez questão de falar sobre a forte ligação com o escritor Caio Fernando Abreu que, segundo ela, “foi uma pessoa muito importante para mim. Ele me estendeu a mão. Foi um grande mestre, não sei o que ele viu em mim”.


Já no final, a conversa entrou na intimidade de Grace. “Sexo é a grande brincadeira dos adultos. É uma delícia. O amor, o sexo, a entrega, é o lugar onde a gente se expande”, afirmou.


Veja a entrevista completa terça-feira, 14 de abril, às 23h30, na TV Gazeta.